quinta-feira, 31 de maio de 2012

Casa da Gestante Zilda Arns do Sofia Feldman ganha prêmio da OPAS/OMS

A Casa da Gestante Zilda Arns, do Hospital Sofia Feldman, ganhou o terceiro lugar na categoria Melhor Iniciativa Institucional para redução da mortalidade materna, da OPAS/OMS, juntamente com a Comissão Perinatal (iniciativa governamental) e Programa Mães Curitibanas (iniciativa para a comunidade). O prêmio foi entregue hoje, em Brasília, para o Dr. Ivo de Oliveira Lopes, diretor adminstrativo do Hospital e Sr. José Sobrinho, presidente da FAIS - Fundação de Assistência Integral à Saúde.

No ano passado, as três instituições ganharam o prêmio nacional. A Casa da Gestante atende mães com agravos na gravidez, que são acolhidas em uma unidade anexa à sede do Sofia. Elas apresentam problemas como pressão alta, diabetes, bolsa rota, etc e são atendidas constantemente por uma equipe multiprofissional, formada por enfermeiras obstetras, obstetras, psicólogas, assistentes sociais, educadores físicos, etc.
Enquanto estão por lá, participam de oficinas de artesanato, fazem passeios pelos pontos turísticos da capital, são atendidas em um salão de beleza, praticam exercícios na academia do Sofia e se sentem como se estivessem em suas próprias casas.

(Fotos do acervo do Hospital Sofia Feldman)
 Mães de toda Minas Gerais são acolhidas e são felizes na Casa da Gestante

A Casa da Gestante inspirou o Ministério da Saúde, na criação da Casa da Gestante, Puérpera e Bebê, da Rede Cegonha, que será implantado no território nacional. O Sofia Feldman já é reconhecido nacional e internacionalmente pelo seu pioneirismo e pela assistência humanizada ao parto e nascimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário