sexta-feira, 8 de julho de 2011

CONGRESSO DE ENFERMAGEM FOI UM SUCESSO!

Durante os últimos três dias fiquei no Minascentro, em Belo Horizonte, participando do I Congresso Internacional de Enfermagem Obstétrica. O evento foi promovido pela ABENFO nacional e de Minas Gerais e contou com o Hospital Sofia Feldman na realização. Cerca de mil pessoas se sentaram para discutir em torno do tema central - FORTALECENDO REDES E ALIANÇAS ESTRATÉGICAS PELA CIDADANIA E SAÚDE DAS MULHERES E DOS RECÉM-NASCIDOS.
Assuntos como a questão do aborto e suas implicações éticas, a redução da cesariana desnecessária e da mortalidade materno/infantil, o parto domiciliar, a inserção da enfermeira obstetra nas equipes de atendimento ao parto e nascimento, a violência institucional contra a mulher e a criança, entre muitos outros.
Na mesa de abertura, participação da Organização Mundial de Saúde, Ministério da Saúde, Secretaria de Estado da Saúde, além de orgãos de classe, conselhos, associações e a ong BEM NASCER. Foi uma honra para a ong estar ao lado das autoridades, o que sinaliza que conquistamos nesses dez anos de existência, um lugar no cenário da Obstetrícia mineira.
Da mesa redonda que eu participei, estavam uma parteira holandesa, que reside em Portugal, Mary Zward e a neonatalogista, Raquel Tamez, que trabalha na Geórgia.
Participaram profissionais de saúde de todos os estados brasileiros.
O Ministério da Saúde foi representado por Dário Pasche, Coordenador de Ações Programáticas e Estratégicas, que falou sobre a REDE CEGONHA. Depois de 30 anos na militância, fiquei feliz de ver o governo federal envolvido diretamente com a humanizãção do nascimento. Para isso, eles estão investindo dinheiro para reforma e compra de equipamentos. Mas ele explica que "Não bastam mais hospitais, mais leitos de UTI. 'Essa mulher não é um grande útero, devemos ver a inteireza dessa mulher.
Dário Pache falou sobre a violência institucional contra a mulher e a criança. "é cruel que as mulheres experimentem altas taxas de mortalidade e tenham a sua fisiologia desrespeitada, com a antecipação desnecessárias dos partos. Uma assistência que deixa um conjunto de traumas negativos e orgânicos."

Um comentário:

  1. A PUC-Campinas está com inscrições abertas até 26 de julho para os cursos de especialização Gestão em Enfermagem.
    Acesse ao site para mais informações:
    http://www.puc-campinas.edu.br/pos/lato/curso.aspx?id=36
    Se você está pensando em mudar de instituição de ensino, veja quais os procedimentos para se transferir para PUC-Campinas:
    http://www.puc-campinas.edu.br/servicos/transferencias.asp

    ResponderExcluir