terça-feira, 18 de agosto de 2009

QUE FAMÍLIA MAIS LINDA!

Quando Camila chegou à minha sala de Yoga, contou uma história incrível. Descobriu que estava gravida e quando estava com um mês, no interior de Minas, sentiu uma dorzinha e foi ao hospital. Lá, diagnosticaram gravidez tubária, era preciso fazer uma cirurgia urgente. Tiraram então de dentro do ovário o que seria "o feto", no entanto, era o corpo lúteo, responsável pela produção dos hormônios que ajudam a manter o nenê no útero. Naquele momento, teve uma intuição e uma vontade muito grande de não operar. Passados cinco meses, continuava se sentindo grávida e estava mesmo. A pequena Diana é uma guerreira, uma menina valente que ficou firme no útero da sua mamãe, garantindo assim a sua existência.
A barriga da Camila sequer aparecia quando chegou ao Yoga. Então, percebemos que havia um medo íntimo de, ao engordar, romper os pontos. Então, fizemos um trabalho de relaxamento interno e também da musculatura da barriga. Em uma semana, apareceu a barriguinha da Camila.
Ela pariu no querido Sofia Feldman e passou por pelo menos quatro escalda-pés com a enfermeira Lilian. Contou também com a presença constante e consciente do paizão, Renato. Os dois estão sempre nas Rodas Bem Nascer. Olha na foto a Diana dorme sorrindo.
Foi um grande prazer poder conviver com os dois e ajudar na chegada da Diana.

2 comentários:

  1. Cleise querida, obrigada pela "homenagem" e por tudo que o Yoga me propiciou através de ti. Nesta caminhada vitoriosa que foi o nascimento da minha filhotinha, você com certeza foi uma "Fada Madrinha"! Beijos carinhosos e abraços de gratidão,
    Camila, Renato e Diana.

    ResponderExcluir